Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Deep Silent Complete

"Escrevo-me. Escrevo o que existo, onde sinto, todos os lugares onde sinto. E o que sinto é o que existo e o que sou. Escrevo-me nas palavras mais ridiculas...e nas palavras mais belas... Transformo-me todo em palavras." - José Luís Peixoto

Deep Silent Complete

"Escrevo-me. Escrevo o que existo, onde sinto, todos os lugares onde sinto. E o que sinto é o que existo e o que sou. Escrevo-me nas palavras mais ridiculas...e nas palavras mais belas... Transformo-me todo em palavras." - José Luís Peixoto

18
Mai07

Regressos...

Marco
Fez-se à estrada com o entusiasmo das crianças que correm felizes e incansáveis nos pátios das suas escolas. As crianças não se cansam, ou então, mais espertas ainda, escolhem meticulosamente as horas a que o fazem. Horas que já não interessam, ou porque já de noite ou porque já nenhuma brincadeira por brincar e então sim, decidem cansar-se, cansar-se muito para depois dormirem tranquilas, na paz de todos os anjos.

Fez-se à estrada sem qualquer certeza, movido apenas a esperança como se mergulhado num daqueles rios em época de monções, repleto de água imparável, célere, decidida rumo à sua foz. Deslizava pelos quilómetros como se num mar de sonhos onde nadava com a energia dos campeões que retiram segundos aos recordes impossíveis, todo ele cheio de medalhas, de pódios, de hinos, de glória.

Fez-se à estrada, vencido, derrotado. Pesado. Focado em cada traço no alcatrão, como se infinitos, como se naquela estrada todos os traços de todas as estradas. Que chato deve ser ter de pintá-lo a todos iguais e equidistantes. Na sua cabeça já nenhum sonho, já nenhum entusiasmo. Apenas a pressa de chegar para que hoje fosse hoje o mais rapidamente possível. É tão mais longe o caminho de regresso...é quase infinito.

1 comentário

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2010
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2009
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2008
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2007
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2006
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D