Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Deep Silent Complete

"Escrevo-me. Escrevo o que existo, onde sinto, todos os lugares onde sinto. E o que sinto é o que existo e o que sou. Escrevo-me nas palavras mais ridiculas...e nas palavras mais belas... Transformo-me todo em palavras." - José Luís Peixoto

Deep Silent Complete

"Escrevo-me. Escrevo o que existo, onde sinto, todos os lugares onde sinto. E o que sinto é o que existo e o que sou. Escrevo-me nas palavras mais ridiculas...e nas palavras mais belas... Transformo-me todo em palavras." - José Luís Peixoto

31
Jan07

Palavras enviadas.

Marco
Às vezes chegam-me palavras escritas em vez delas mesmas, ditas, sentidas, vivas, apenas escritas e assim, reduzidas à sua forma mais crua, apenas elas mesmo. Cravadas num fundo branco, presas atrás deste vidro grosso à minha frente, enviadas de longe, elas, ali, apenas elas mesmas, sem o rosto que as pronunciam. Palavras cegas. Palavras apenas palavras, secas, difíceis de perceber em toda a sua plenitude.

Leio-as repetidamente em busca de um sentido mais... sentido. Recuso-as na sua forma mais simples. Tento descobrir o que possam esconder, qualquer mensagem oculta que queiram dizer. Palavras ditas aos solavancos, palavras incompletas, palavras enigmáticas. Alinhadas em forma de frase, na vez de uma voz. De um som. Espaçadas no tempo por minutos que parecem não passar, quase gagas. Palavras suspensas.

Tento agarrá-las e arrumá-las na sua ordem correcta. Que ordem? A que quero que signifiquem ou a querem na realidade significar?... E eu suspenso. Agora eu, parado, interrompido por umas palavras que me chegam, compassadamente de longe. Volto a lê-las, tentando ver para além delas, tentando ver o que existe do outro lado, uma vida que acontece, uma cara que olha, que tenta arrumar e encontrar um sentido para aquilo que também eu, lhe escrevo.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2010
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2009
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2008
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2007
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2006
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D