Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Deep Silent Complete

"Escrevo-me. Escrevo o que existo, onde sinto, todos os lugares onde sinto. E o que sinto é o que existo e o que sou. Escrevo-me nas palavras mais ridiculas...e nas palavras mais belas... Transformo-me todo em palavras." - José Luís Peixoto

Deep Silent Complete

"Escrevo-me. Escrevo o que existo, onde sinto, todos os lugares onde sinto. E o que sinto é o que existo e o que sou. Escrevo-me nas palavras mais ridiculas...e nas palavras mais belas... Transformo-me todo em palavras." - José Luís Peixoto

16
Nov06

Como se hoje igual a ontem.

Marco
Bom dia mundo. Já percebi que continuas na mesma, rigorosamente na mesma. Como se nada tivesse acontecido, como se hoje igual a ontem. Indiferente a qualquer dor, indiferente a qualquer saudade. Continuas apressado a girar à volta de ti mesmo, à volta do teu próprio umbigo. São essas as leis do teu jogo e pelos vistos, quem te quiser habitar, não tem outro remédio senão aceitar e jogar.

Hoje, pelos vistos, é um novo dia, igual a todos os outros em que é suposto viver. Carregado de manhã, carregado de rotina, de hábitos, de obrigações. Obrigações que nos obrigamos a nós próprios, mas obrigações. Carregado de tudo o que enche todos os dias de dia, uns atrás dos outros. Hoje, pelos vistos, é suposto ser de novo eu, como se tudo na mesma, como se hoje igual a ontem, afinal de contas, como sempre.

E cá estou eu, resgatado de um mergulho na mais profunda escuridão. Resgatado desse local onde a vida deixa de ser vida para ser saudade, recordação, memória. A vida feita eterna, dentro de cada um de nós. A vida que acaba, mas que continua connosco. A vida que se multiplica por vidas. As vidas dos que hoje choram para amanhã lembrar. Cá estou eu, com mais este pedaço de vida em mim. Cá estou eu, dizendo bom dia mundo mas desconfiado de que por aqui, continua tudo na mesma. Como se hoje igual a ontem.

1 comentário

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2010
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2009
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2008
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2007
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2006
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D